NOSSA HOMENAGEM “JES” A SENSIBILIDADE DO ARTISTA EMPRESTADO À POLÍTICA

 NOSSA HOMENAGEM “JES” A SENSIBILIDADE DO ARTISTA EMPRESTADO À POLÍTICA

By: Osvaldo Contreiras (Jornalista e Editor)

Pelo imaginário da criação artística, revelou-se excelente letrista, compositor e intérprete. Se não fosse político, na mesma morreria eternizado nas suas canções. É essa linha que segue o perfil aqui traçado do “artista” que anuncia e o presidente que concretizou, explorando o legado cultural que ainda está por se escrever.

José Eduardo dos Santos (1942-2022)

Postagem relacionada

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.